Metodologias Ativas na Disciplina Ética Médica: Promoção da Autonomia e Prevenção do Erro Médico

Maria Teresa de Vasconcelos Sobral, Symara Abrantes Albuquerque de Oliveira Cabral, Eitan Naamam Berezim, Maria Carmem Batista de Alencar, Francileuda Batista de Almeida

Resumo


A metodologia ativa proporciona a aprendizagem a partir do desenvolvimento da autonomia do sujeito, a partir das mudanças metodológicas o docente, focado na problematização, como facilitador de aprendizagem, passa a tornar-se coadjuvante no processo educacional, estimulando a autonomia do sujeito-aluno. Tais perspectivas ancoram-se no princípio teórico significativo na autonomia explícita por Paulo Freire. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório com abordagem qualitativa e quantitativa dos dados, objetivando analisar os índices de erros médicos, bem como, rever as atuais metodologias de ensino empregadas da disciplina de ética médica e, assim, sugerir implementação da estrutura de ensino da disciplina de ética médica baseando-se no código de ética e na legislação médica nos cursos de medicina do país.

 

 


Palavras-chave


Ensino; Ética Médica; Educação Médica; Metodologias Ativas

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução Nº 3, de 20 de Junho De 2014. Brasília, 2014.

CHIARELLA, T. et al. A Pedagogia de Paulo Freire e o Processo Ensino-Aprendizagem na Educação Médica. Rev. bras. educ. med. [online]. 2015, vol. 39, n. 3, pp. 418-425.

FERREIRA, A.B.H. Miniaurélio: o dicionário da língua portuguesa. 7. ed. rev. atual. Curitiba: Positivo; 2008.

GOMES, J.C.M.; FRANÇA, G.V. Erro Médico. In.: COSTA, S.I.F.; OSELKA, G.; GARRAFA, V. Iniciação à bioética. Brasília: Conselho Federal de Medicina, 1998. Parte IV - Bioética Clínica, p. 243-256.

MARIN, M.J.S. et al. Aspectos das fortalezas e fragilidades no uso das metodologias ativas de aprendizagem. Rev. bras. educ. med. [online]. 2010, vol. 34, n. 1, pp. 13-20. .

MITRE S.M. e al. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem na formação profissional em saúde: debates atuais. Revista Ciência & Saúde Coletiva, 13(Sup 2):2133-2144, 2008.

PETTA, H. L. et al. Preceptoria do SUS: caderno do curso 2015. São Paulo: Ministério da Saúde; Instituto Sírio Libanês de Ensino e Pesquisa, 2015. 51 p. (projetos de apoio ao SUS).

REGO, S.; GOMES, A.P.; SIQUEIRA-BATISTA, R. Bioética e humanização como temas transversais na formação médica. Rev. bras. educ. med. [online]. 2008, vol. 32, n. 4, pp. 482-491.

RIOS, I.C. Humanização: a essência da ação técnica e ética nas práticas de saúde. Rev. bras. educ. med. [online]. 2009, vol. 33, n. 2, pp. 253-261.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v11i36.768

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: