Avaliação da Qualidade de Vida no Trabalho: Estudo de Caso em duas Escolas Particulares no Cariri Cearense

Marysângela de Oliveira Tavares, Islly Gabrielle Tavares Limachi

Resumo


A qualidade de vida no trabalho (QVT) vem ganhando espaço como valor essencial das práticas que visam o bem-estar organizacional. Neste contexto, é preciso desenvolver estratégias e habilidades que visem uma maior  produtividade, visando um  posicionamento mais competitivo no mercado. O presente estudo buscou analisar a qualidade de vida no trabalho, em duas escolas na região do cariri cearense. Optou-se pelo estudo de caso nestas instituições, de forma a observar a percepção dos professores quanto a sua qualidade  de vida no trabalho.

Palavras-chave


Comportamento Organizacional, Comunicação, Cultura, Clima, Qualidade de vida

Texto completo:

PDF

Referências


TANIGUCHI. K; COSTA. A.L, Clima Organizacional: uma ferramenta estratégica o diagnostico em recursos humano Revista de Ciências Gerenciais. Publicado em 2010 vol. XIII. São Paolo: Anhanguera Educacional S.A.

ROBBINS, S. P. (1999). Comportamento Organizacional (8ª ed.). Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos.

RODRIGUES, Martinho Rui. Pesquisa Acadêmica. São Paulo: Atlas, 2007.

LEITE, Francisco Tarcisio. Metodologia Cientifica: Métodos e Técnicas de Pesquisa: monografias, dissertações, teses e livros. Aparecida, SP: Idéias &Letras, 2008.

LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de Pesquisa. 7. Ed. São Paulo: Atlas, 2009.

LUZ, Ricardo. Gestão do clima Organizacional. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2003.

ROESCH, Silva Maria Azevedo. Projetos de estagio de pesquisa em administração. 3.Ed. São Paulo : Atlas , 2007.

LUZ, Ricardo. Clima organizacional. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1995.

SOARES, Vanessa Pires. A cultura organizacional e seus componentes. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2002.

CHIAVENATO, Idalberto. Comportamento organizacional: A dinâmica do sucesso das organizações. 2. Ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2005

ROBBINS, P. Comportamento organizacional. 11ed. São Paulo: Pearson Prendesse Hall, 2005.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Novo dicionário da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1986.

SIQUIERA, M. M.M. Medidas do comportamento Organizacional. Estudos de Psicologia, V7, no. Spe, Natal, 2002, p.11-18

BOM SUCESSO, E. P. Trabalho e Qualidade de Vida. Rio de Janeiro: Qualitymark / Dunya, 1997.

CASTRO A. P. Qualidade de energização do patrimônio humano. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1993.

CHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. 6. Ed. rev. e atual. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

MINAYO, M. S. C.; HARTZ, Z. M. A.; BUSS, P. M. - Qualidade de vida e saúde: um debate necessário. Ciência & Saúde Coletiva - n. 05, vol. 01, 2000.

LACAZ, F. A. C. - Qualidade de vida no trabalho e saúde / doença. Ciência & Saúde Coletiva - n. 05, vol. 01, 2000.

COCCO, M. I. M. - Promoção à saúde no trabalho. Projeto de Pesquisa. Campinas, 2001.

CHIAVENATO, I. - Gestão de Pessoas; o novo papel dos recursos humanos nas organizações. Rio de Janeiro: Campus, 1999.

TACHIZAWA, Takeshy, FERREIRA, Victor Claudio Paradela, FORTUNA, Antonio Alfredo Mello. Gestão com pessoas: uma abordagem aplicada de negócios. 3°ed. Rio de Janeiro: FGV, 2004

MAXIMIANO, Antonio César Amaru. Teoria geral da administração: da escola científica à competitividade na economia globalizada. 2. Ed. São Paulo: Atlas S.A, 2000. 530p.

RODRIGUES, Marcus Vinicius Carvalho. Qualidade de Vida no Trabalho: Evolução e analise no nível gerencial. Fortaleza: UNIFOR, 1991.

FERNANDES, Eda Conte. Qualidade de vida no trabalho: como medir para melhorar. 2. Ed. Salvador/BA: Casa da Qualidade, 1996. 115p.

QUEIROZ, S. H. Motivação dos Quadros Operacional para a Qualidade Sob o Enfoque da Liderança Situacional. Florianópolis. UFSC, 1996.

FRANÇA, A. C. L. Indicadores Empresariais de Qualidade de Vida: esforço empresarial e Satisfação dos empregados no ambiente de manufaturas com certificação ISO 9000. Tese de Doutorado, São Paolo: FEA/USP, 1996.

CARVALHO, Maria do Socorro M. V; TONET, Helena C, Qualidade na administração Publica. Rio de Janeiro, 1994, v.28, n. 2, Abr./Jun.

FREITAS, Maria E, Cultura organizacional: formação, tipologias e impactos, São Paulo; Makron McGraw-Hill, 1991.

OLIVEIRA, Marco Antonio G, Como entender a cultura organizacional, São Paulo: Nobel, 1988.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v11i38.880

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: