Relação Comunicativa entre o Profissional de Saúde e os Surdos: Uma Revisão Bibliográfica

Raira Piágio Silva, Maria Antonieta Pereira Tigre Almeida

Resumo


Este estudo tem como objetivo fazer um levantamento bibliográfico a respeito da relação comunicativa com os profissionais de saúde e os usuários surdos, quando estes procuram algum tipo de atendimento nas instituições de saúde. Trata-se de uma revisão bibliográfica baseada na literatura, através de consulta as bases de dados Scielo, Google Acadêmico e BIREME, onde foram utilizados os descritores Comunicação, Surdez, Acolhimento, localizando artigos publicados entre no 2009 a 2017 na língua portuguesa. Os estudos encontrados sobre essa relação comunicativa, apontaram que o usuário surdo e a sua família encontram diversas barreiras comunicativas, o que prejudicam a interação e o acolhimento nos serviços de saúde. É notório a precisão de mais estudos sobre a referida temática. Sugere-se a elaboração e implantação de estratégias como, a obrigatoriedade da matéria de LIBRAS na grade curricular, principalmente nos cursos da saúde, o incentivo e apoio aos profissionais a buscarem a qualificação e preparo adequado para acolher o usuário surdo juntamente com sua família.

 

 

 


Palavras-chave


Comunicação. Surdez. Acolhimento. Profissionais de Saúde. Inclusão

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, J. C.; FREITAS, J. M. R.; ROCHA, L. L. V. A percepção dos surdos em relação ao sistema de comunicação das unidades de atenção primária à saúde. Brazilian Journal of Surgery and Clinical Research, v. 9, n. 1, p. 06-11, 2015.

BARBOSA, Maria Alves et al. Língua Brasileira de Sinais: um desafio para a assistência de enfermagem. Rev. enferm. UERJ, v. 11, n. 3, p. 247-251, 2003.

BATISTA, Jaime Barbosa. Comunicação entre profissional da saúde e usuários surdos: estratégias e desafios. 2016.

BRAGA, Clarissa Daguer; MARQUES, Antônio Luiz. Comunicação e mudança: a comunicação como elemento facilitador do processo de mudança organizacional. Revista da FAE, v. 11, n. 1, 2016.

BRASIL. Decreto n. 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei n. 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre Língua Brasileira de Sinais - Libras, e o art. 18 da Lei n. 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Diário Ofi cial[da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF.

CHAVEIRO, Neuma; BARBOSA, Maria Alves. Assistência ao surdo na área de saúde como fator de inclusão social. Rev Esc Enferm USP, n. 39, v. 4, p. 417-22, 2005.

COMUNICAÇÃO EM SAÚDE: CONCEITOS E ESTRATÉGIAS, RUMO À EFETIVAÇÃO DE DIREITOS SOCIAIS - RIBEIRO, Camila Beatriz. Disponível em:http://www.cressmg.org.br/arquivos/simposio/COMUNICA%C3%87%C3%83O%20EM%20SA%C3%9ADE_CONCEITOS%20E%20ESTRAT%C3%89GIAS,%20RUMO%20%C3%80%20EFETIVA%C3%87%C3%83O%20DE%20DIREITOS%20SOCIAIS.pdf. Acesso em 2016.

CORIOLANO-MARINUS, Maria Wanderleya de Lavor et al . Comunicação nas práticas em saúde: revisão integrativa da literatura. Saudesoc., SãoPaulo, v.23, n.4, p.13561369, Dec. 2014.Availablefrom.accesson 26 May 2017. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-12902014000400019.

CORRÊA, CS, Pereira LAC, Barreto LS et al. O despertar do enfermeiro em relação ao paciente portador de deficiência auditiva. Rev. de Pesq.: cuidado é fundamental Online. 2010. abr/jun 2(2):758-769. Disponível em:http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/490/pdf_14.

DA CONCEIÇÃO FERREIRA, Dayana Roberta; DE ARAÚJO HOLANDA, Manuelle; LINHARES, Francisca Márcia Pereira. A Comunicação com o Paciente Surdo: Um Desafio para a Enfermagem. 17º SEMINÁRIO NACIONAL DE PESQUISA EM ENFERMAGEM, 2013.

DELL’ACQUA, M.C.Q.; PESSUTO, J.; BOCCHI, S.C.M.; ANJOS, R.C.P.M. Comunicação da equipe multiprofissional e indivíduos portadores de hipertensão arterial. Rev.latino am.enfermagem, Ribeirão Preto, v. 5, n. 3, p. 43-48, julho 1997.

GIL DE FRANÇA, Eurípedes et al. DIFICULTADES PROFESIONALES EN LA ATENCIÓN EN SALUD A LA PERSONA CON SORDERA SEVERA. Ciencia y enfermería, v. 22, n. 3, p. 107-116, 2016.

GOTADO, Rubenice Gonçalves; ALMEIDA, Maria Antonieta Pereira Tigre. O Acolhimento oferecido pelos Serviços de Saúde às pessoas com Necessidades Especiais. Id on Line Revista de Psicologia, v. 10, n. 32, p. 126-137, 2016.

IANNI, Aurea; PEREIRA, Patrícia Cristina Andrade. Acesso da comunidade surda à rede básica de saúde. Saúde e Sociedade, v. 18, n. supl. 2, p. 89-92, 2009.

LOPES, Mara Aparecida de Castilho; LEITE, Lúcia Pereira. Concepções de surdez: a visão do surdo que se comunica em língua de sinais. Revista Brasileira de Educação Especial, p. 305-320, 2011.

MAGRINI, Amanda Monteiro; DOS SANTOS, Teresa Maria Momensohn. Comunicação entre funcionários de uma unidade de saúde e pacientes surdos: um problema?. Distúrbios da Comunicação. ISSN 2176-2724, v. 26, n. 3, 2014.

NASCIMENTO, Gicélia Barreto; DE OLIVEIRA FORTES, Luciana; KESSLER, Themis Maria. Estratégias de comunicação como dispositivo para o atendimento humanizado em saúde da pessoa surda. Saúde (Santa Maria), v. 41, n. 2, p. 241-250, 2015.

OLIVEIRA, Yanik Carla Araújo de; CELINO, Suely Deysny de Matos; COSTA, Gabriela Maria Cavalcanti. Comunicação como ferramenta essencial para assistência à saúde dos surdos. Physis, Rio de Janeiro , v. 25, n. 1, p. 307-320, Mar. 2015 GI. Available from .accesson 10 June 2017. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312015000100017.

PAGLIUCA, Lorita Marlena Freitag; FIUZA, Nara Lígia Gregório; REBOUCAS, Cristiana Brasil de Almeida. Aspectos da comunicação da enfermeira com o deficiente auditivo. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo , v. 41, n. 3, p. 411-418, Sept. 2007.Available from http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S008062342007000300010&lng=en&nrm=iso>.Acessoem 09 abril 2017. http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342007000300010.

PIRES, Hindhiara Freire; ALMEIDA, Maria Antonieta Pereira Tigre. A PERCEPÇÃO DO SURDO SOBRE O ATENDIMENTO NOS SERVIÇOS DE SAÚDE. Revista Enfermagem Contemporânea, v. 5, n. 1, 2016.

RAMOS, Tâmara Silva; ALMEIDA, Maria Antonieta Pereira Tigre. A Importância do ensino de Libras: Relevância para Profissionais de Saúde. Id on Line Revista de Psicologia, v. 10, n. 33, p. 116-126, 2016.

SANTOS, Érika Machado; SHIRATORI, Kaneji - As necessidades de saúde no mundo do silêncio: um diálogo com os surdos. Revista Eletrônica de Enfermagem, v. 06, n. 01, 2004. Disponível em http://www.revistas.ufg.br/index.php/fen.

TEDESCO, Janaina dos Reis; JUNGES, José Roque. Desafios da prática do acolhimento de surdos na atenção primária. Cadernos de Saúde Pública, v. 29, n. 8, p. 1685-1689, 2013.

TEIXEIRA, Marcelo Mendonça. Os Elementos da Comunicação- Encontro de ensino, pesquisa e extensão da faculdade, SENAC, 2010.

VIEIRA, Camila Mugnai et al. Comunicação e acessibilidade: percepções de pessoas com deficiência auditiva sobre seu atendimento nos serviços de saúde, 2017.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v11i37.868

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: