Empreendedorismo e Sustentabilidade: Uma Visão Psicológica

Patricia Pereira de Sousa Timóteo, Theóphilo Michel Álvares Cabral Beserra

Resumo


O presente trabalho teve por finalidade, discutir a cultura organizacional predatória, vigente nas empresas atuais. A visão holística do fenômeno do empreendedorismo, considera as empresas como “sistemas abertos”, passíveis de modificação pela ação externa. Adotou-se como referencial teórico a Psicologia Comportamental e o Pensamento Sistêmico. A metodologia utilizada foi a analítico-descritiva, baseada na pesquisa de cunho bibliográfico e documental com apreciação qualitativa dos dados. Procurou-se observar a cultura organizacional através da educação - ação cognitiva direcionada, recorrendo à Psicologia, como suporte para desconstruir os padrões mentais existentes.  Tal estratégia permitiu reconstruir novos padrões, baseados nos preceitos da sustentabilidade, refazendo a conexão natural que o homem possui com a natureza a que pertencemos. Dessa forma, acredita-se conseguir o equilíbrio psíquico que permite o sadio desenvolvimento das empresas, e da sociedade de uma maneira geral.

 

 


Palavras-chave


Empreendedorismo; Sustentabilidade; Psicologia; Cultura Organizacional; Educação.

Texto completo:

PDF

Referências


BILIBIO, E. Os momentos constitutivos do Cuidado e o Dasein como ser de relações. ethic@, Florianópolis, v. 12, n. 2, p. 272-288, dez. 2013.

BOFF, Leonardo. Ecologia Social. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=LOUNIUbXNgk acesso em: 23 out 2015.

CHIAVENATO, I. Iniciação a Administração Geral. 2º ed. São Paulo: Makron Books, 1994. 80 p.

DORNELAS, José Carlos Assis. Empreendedorismo: transformando idéias em negócios. Editora Campus, 2001.

FERREIRA, A.B.H. Novo Aurélio – Dicionário da Língua Portuguesa. 3. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1999.

MAXIMINIANO, A. C. A. Introdução à administração: da revolução urbana a revolução digital. 3º ed. São Paulo: Atlas, 2002. 521 p.

PETTIGREW, A. M. A cultura das organizações é administrável? In: Maria Tereza Fleury e Rosa Maria Fischer (org.). Cultura e poder nas organizações. São Paulo: Atlas, 1989. 227. p.145-153.

SCHUMPETER, J. A. (1961). Teoria do desenvolvimento econômico. (L. Schlaepfer, Trad.). Rio de Janeiro: Fundo de Cultura. (Obra original publicada em 1911).




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v10i32.584

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: