Uma Perspectiva sobre as condições de trabalho e qualidade de vida dos policiais da 25ª. CIPM na cidade de casa Nova no Estado da Bahia

Daniel Pereira Lima Filho, Fernanda Roda de Souza Araújo Cassundé

Resumo


O presente artigo apresenta os resultados da pesquisa realizada junto à 25ª CIPM na cidade de Casa Nova no Estado da Bahia, com objetivo principal de estudar a QVT e estresse ocupacional que eventualmente possam assolar as atividades daqueles profissionais. A pesquisa de teor quantitativo teve como amostra o total de 65 indivíduos extraída de uma população de 178 militares. A coleta de dados se deu através de instrumento JDS. Como resultado verificou-se a existência de alto nível de insatisfação com o método aplicado no desempenho das atividades exigidas no dia a dia profissional, bem como no tocante a ausência de feedback institucional, ocasionando um senso de descontinuidade operacional que compromete diretamente a precisão da execução da tarefa, elevando assim os níveis de estresse isso somado ao inevitável risco da atividade, sendo estes impossíveis de serem minimizados. A pesquisa também revelou um considerável grau de satisfação em relação ao significado social que a atividade goza junto à comunidade elevando assim o grau de realização pessoal no desempenho das funções o que equivale a um fator motivacional. Por meio desta pesquisa foi possível identificar fatores determinantes que podem nortear à adoção de medidas hábeis a promoção de maior satisfação no trabalho.


Palavras-chave


Qualidade de vida no trabalho, Policial, Estresse

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v9i25.318

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: