Implicações Socioambientais a partir da implantação do Sistema Eletrônico de Informações em uma Universidade / Socioenvironmental implications from the implantation of the Informations Electronic System in an University

Thales Fabricio da Costa e Silva, Jônica Marques Coura Aragão, Jacyara Farias Souza, Kevin Ferreira Corcino

Resumo


Este artigo apresenta a percepção dos servidores públicos da carreira Técnico-Administrativo em Educação (TAE) da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) acerca das implicações socioambientais decorrentes da implantação do Sei na instituição. Para tanto, foi realizado um estudo de caso, com a aplicação de questionários estruturados com os servidores TAE da instituição e observação simples durante o processo de trabalho com o uso do Sei nos ambientes pesquisados. Os dados foram tratados de forma quantitativa, a partir da tabulação e da análise do conteúdo dos dados colhidos no questionário e nas observações. A investigação aponta que a maioria dos servidores conhecem e usam o Sei, porém, enfrentam dificuldades com relação à adaptação do uso do sistema na rotina de trabalho. Os servidores reconhecem implicações positivas e negativas do uso do Sei no processo de trabalho e nos aspectos socioambientais, coadunando com os resultados obtidos em outras pesquisas.


Palavras-chave


Sistema eletrônico de informações; Gestão de documentos; Sustentabilidade; Administração pública

Texto completo:

PDF

Referências


CARDOZO, R. S.; MURAROLLI, P. L. Tecnologia da informação verde: sustentabilidade tecnológica. O avanço da tecnologia em relação ao meio ambiente: tecnologia e sustentabilidade. Perspectivas em ciências tecnológicas, v. 4, n. 4, pp. 148-65, 2015. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2019.

BRASIL. Decreto Nº 8.539, de 8 de outubro de 2015. Dispõe sobre o uso do meio eletrônico para a realização do processo administrativo no âmbito dos órgãos e das entidades da administração pública federal direta, autárquica e fundacional. Diário Oficial da União, Brasília, 2015. Disponível em: . Acesso em: 02 mai. 2019.

______. Governo Eletrônico. Notícias. Planejamento comemora primeiro ano sem uso de papel na tramitação de processos. 2017. Disponível em: . Acesso em: 19 mai. 2018

Gil, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4a ed. - São Paulo: Atlas, 2002.

Gil, A. C. Métodos e Técnicas de pesquisa social. 6a ed. - São Paulo: Atlas, 2008.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Metodologia Científica. 5a ed. - São Paulo: Atlas, 2010.

LUNARDI, G. L.; FRIO, R. S.; BRUM, M. M. Tecnologia da Informação e Sustentabilidade: levantamento das principais práticas verdes aplicadas à área de tecnologia. Gerais: Revista Interinstitucional de Psicologia, v. 4, n. 2, pp. 159-72, 2011. Disponível em: . Acesso em: 01 mai. 2019.

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, DESENVOLVIMENTO E GESTÃO [MPOG]. Sistema Eletrônico de Informações. Manual do Usuário, versão 2.5.0. Documento produzido em parceria com a Embrapa, Comissão de Valores Mobiliários, Anatel e GDF, 2015. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2018.

______. Adesão ao Processo Eletrônico Nacional. Portal do PenSei. 201-. Disponível em: . Acesso em: 07 mai. 2018.

MORGAN, G. Paradigmas, metáforas e resolução de quebra-cabeças na teoria das organizações. Revista de Administração de Empresas, v. 45, n. 1, pp. 58-71, 2005. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2019.

MOZZATO, A. R.; GRZYBOVSKI, D. Análise de conteúdo como técnica de análise de dados qualitativos no campo da Administração: Potencial e Desafios. Revista de Administração Contemporânea, v. 15, n. 4, pp. 731-47, 2011. Disponível em: . Acesso em: 05 jul. 2019.

NASCIMENTO, Paulo R. S. Impactos da implantação do Sistema Eletrônico de Informação (SEI): Estudo de caso da Universidade de Brasília. Dissertação (Mestrado Profissional em Economia), Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - Universidade de Brasília, Brasília, 137p, 2017. Disponível em: . Acesso em: 03 ago. 2019.

ROBBINS, S. P. Fundamentos do Comportamento Organizacional. Trad. Reynaldo Marcondes. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009.

SALLES, A. C.; ALVES, A. P. F.; DOLCI, D. B.; LUNARDI, G. L. Tecnologia da Informação Verde: um estudo sobre sua adoção nas organizações. Revista de Administração Contemporânea, v. 20, n. 1, 41-63, 2016. Disponível em: . Acesso em: 02 jun. 2019.

SANTOS, R. O. T.; CARNEIRO, L. A.; BELÉM, E. C.; JUDICI, J. D. A. A implantação do Sistema Eletrônico de Informações na Administração Pública do Distrito Federal: gestão estratégica inovadora de governo digital e atuação colaborativa. Anais do X Congresso de Gestão Pública – CONSAD, 5 a 7 de julho, Brasília, DF, 2017. Disponível em: . Acesso em: 04 abr. 2019.

SARAIVA, André. A implementação do Sei – Sistema Eletrônico de Informações. Escola Nacional de Administração Pública (Enap), Casoteca de Gestão Pública, 2018. Disponível em: . Acesso em: 02 dez. 2019.

SILVA, Priscilla Maio. Benefícios e dificuldades na implantação do SEI por uma Equipe de Gestão Documental: o caso do DMAE. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Gestão Pública), Escola de Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 49p, 2019. Disponível em:

TRIBUNAL DO TRABALHO DA PARAÍBA [TRT-13]. Portal do TRT 23ª REGIÃO. Notícias. Processo eletrônico gera economia de 63% no uso de papel no TRT. Disponível em: . Acesso em: 19 jun. 2019.

UCHÔA, C. E. O processo de implantação do SEI – Sistema Eletrônico de Informações no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Anais do VII Congresso de Gestão Pública – CONSAD, 25 a 27 de março, Brasília, DF, 2014. Disponível em: . Acesso em: 18 mar. 2019.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE [UFCG]. Resolução Nº 02/2016, de 9 de maio de 2016. Institui o Sistema Eletrônico de Informações – SEI como o sistema de processo eletrônico administrativo da Universidade Federal de Campina Grande e dá outras providências. Câmara Superior de Gestão Administrativo-Financeira do Conselho Universitário, 2016. Disponível em: . Acesso em: 02 abr. 2019.

______. Portal do SEI-UFCG. Curiosidades. 201-. Disponível em: . Acesso em: 02 mai. 2019.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS [UFPEL]. Plano de implantação do Sistema Eletrônico de Informações na UFPEL. 2017. Disponível em . Acesso em 05 de dezembro de 2018.

YIN, R. Estudo de Caso: Planejamento e Métodos. 5a ed. - Porto Alegre: Bookman, 2015.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v14i52.2697

Apontamentos



Direitos autorais 2021 Thales Fabricio da Costa e Silva, Jônica Marques Coura Aragão, Jacyara Farias Souza, Kevin Ferreira Corcino

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: