O Counseling como instrumento de aproximação e reconhecimento das experiências emocionais / Counseling as an approach tool and recognition of emotional experiences

Carlos Mendes de Lima Júnior, Adalto Luiz Chitolina

Resumo


O counseling é quem se dispões a aconselhar. Aquele que reúne um conjunto de habilidades, atitudes e técnicas para ajudar as pessoas a ajudar-se. Parte-se do pressuposto de que o homem já tem em si os recursos necessários, portanto o processo de interação entre o counselor (aconselhador) e o cliente, propõe-se a criar as condições para fazê-los emergir por meio de um colóquio centrado na pessoa. Uma relação ativa e altamente pessoal, antes de ser sobre o problema a ser solucionado. O objetivo do presente estudo foi evidenciar a importância da experiência interna e particular na vida das pessoas, definindo como possibilidade numa relação de ajuda, através da figura do Counseling. Conclusão: Ajudar as pessoas a estarem cônscias de suas limitações e de suas possibilidades, certamente  a ajudarão a perceberem a vida e a si mesmas de uma maneira mais apropriada. Esta condição, implica em uma  melhoria na capacidade de mobilizar recursos internos para reagir mais positivamente às circunstâncias desafiadoras e, consequentemente, a melhorarem sua qualidade de vida emocional.

 


Palavras-chave


Counseling. Relação de ajuda. Aconselhamento

Texto completo:

PDF

Referências


BASTOS, Lília da Rocha et al. Manual para elaboração de projetos e relatórios de pesquisas, teses, dissertações e monografias. 6ª ed. Rio de Janeiro: LTC, 2003.

DAMÁSIO, António. Em busca de Espinoza: prazer e dor na ciência dos sentimentos. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

DANON, Marcella. Counseling: uma nova profissão de ajuda. Curitiba: Sociedade Educaional e Editora IATES, 2003.

GARDNER, Howard. Multiple intelligences: the theory in practice, a reder. Basic Books (EUA), 1993.

GOLEMAN, Daniel. Inteligência emocional: a teoria revolucionária que redefine o que é ser inteligente. 27ª ed. Rio de Janeiro: Objetiva, 1995.

MIRANDA, Márcio Lúcio de; FELDMAN, Clara. Construindo a relação de ajuda. Belo Horizonte: Ceap Editora, 2006.

OATLEY, Keith; JENKINS, Jennifer M.. Compreender as emoções. Lisboa (Portugal): Instituto Piaget, 1996-1998.

SCHEEFFER, Ruth. Teorias do aconselhamento. São Paulo: Atlas, 1979.

VISCOTT, David. A Linguagem dos sentimentos. 10ª ed. São Paulo: Summus, 1982.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v13i46.1935

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: