Saúde mental em tempos de crise no Brasil / Mental health in times of crisis in Brazil

Lais Landim Sousa, Nara Freire Leão Rocha, Nicole Gonçalves Nascimento Rocha, Gislene Farias de Oliveira

Resumo


Na atual conjuntura, o Brasil tem passado por um momento de sucessivas crises, tanto dentro quanto fora das ciências médicas, de diversas naturezas de ordem social, política e econômica, afetando de forma significativa o assistencial e de saúde. a crise tem dado ensejo ao agravamento das condições socioeconômicas do país, que tem afetado negativamente a população como um todo, e que tem inclusive aumentado o quantitativo de indivíduos com algum tipo de problema de saúde mental. Este estudo discute sobre os fatores que acometem a saúde mental da população em momentos de crise e, a necessidade de modificação do paradigma vigente como forma de adaptação à realidade do momento no Brasil. Os resultados indicam que, frente a crise que acomete o país e o patente agravamento dos casos de saúde mental relatados nos últimos anos, tudo indica que é preciso que seja elaborado um novo modelo de saúde mental, capaz de gerir as causas decorrentes de uma crise que envolve desemprego, problemas financeiros e piora do local de residência. Estes são apenas alguns dos fatores que têm prejudicado a saúde mental da população, de uma maneira geral.

Palavras-chave


Saúde mental. Políticas públicas. Crise brasileira

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEDOM, Astier. Social capital and mental health: an interdisciplinary review of primary evidence. Social Science & Medicine, v.61, n.5, p.943–964, 2005.

ANÁLISES DE POLÍTICAS EM SAÚDE. Crise no Brasil: Quais os impactos na saúde da população? 2016. Disponível em: < https://www.analisepoliticaemsaude.org/oaps/boletim/edicao/8/>. Acesso em: 25/06/2019.

BARTON, Russel. Institutional neurosis. New York: John Wright, 1959

BIRMAN, Joel. Enfermidade e loucura. Rio de Janeiro: Campus; 1980.

BRESLIN, Frederick Curtis; MUSTARD, Cam. Factors influencing the impact of unemployment on mental health among young and older adults in a longitudinal, population-based survey. Scandinavian Journal of Work Environment & Health, v. 29, p. 5–14, 2003.

BROWN, Jean, LEARMONTH, Alyson; MACKERETH, Catherine. Promoting Public Mental Health and Well-being: Principles into Practice; London: Jessica Kingsley Publishers, 2015.

CATTAN, Mima; TILFORD, Sylvia. Mental Health Promotion: A Lifespan Approach (p. 264). Berkshire: Open University Press, 2006.

CORNAGLIA, Francesca; CRIVELLARO, Elena; MCNALLY, Sandra. Mental Health and Education Decisions. London, 2012.

DANTAS, VA. Enfermagem e os serviços básicos. Anais do 33º Congresso Brasileiro de Enfermagem. Brasília: ABEn, 1981.

DE SNYDER, V. Nelly Salgado; FRIEL, Sharon; FOTSO, Jean Christophe, KHADR, Zeinab, MERESMAN, Sérgio; MONGE, Patricia; PATIL-DESHMUKH, Anita. Social conditions and urban health inequities: Realities, challenges and opportunities to transform the urban landscape through research and action. Journal of Urban Health, 88, 2011.

EATON, Nicholar; KEYES, Katherine; KRUEGER, Robert; BALSIS, Steve; SKODOL, Andrew, MARKON, Kristian, GRANT, Bridget; HASIN, Deborah. An invariant dimensional liability model of gender differences in mental disorder prevalence: evidence from a national sample. Journal of Abnormal Psychology, v.121, n.1, 2012.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Rio de Janeiro: Graal; 1979

______. A história da loucura na época clássica. São Paulo: Graal; 1981.

FONE, David; DUNSTAN, Frank; JOHN, Ann; LLOYD, Keith. Associations between common mental disorders and the Mental Illness Needs Index in community settings. Multilevel analysis. The British Journal of Psychiatry: The Journal of Mental Science, v. 191, p. 158–163, 2007.

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ (FIOCRUZ). Crise na saúde mental em nível global: prejuízos individuais e para a economia. 2018. Disponível em: < https://cee.fiocruz.br/?q=Crise-na-saude-mental-em-nivel-global-prejuizos-individuais-e-para-a-economia>. Acesso em: 25/06/2019.

FUKUDA, Yoshiaru; HIYOSHI, Ayako. Influences of income and employment on psychological distress and depression treatment in Japanese adults. Environmental Health and Preventive Medicine, v. 17, v. 1, p. 10-17, 2012.

LOUREIRO, Adriana; LIMA, Joana; PARTIDÁRIO, Maria do Rosário; SANTANA, Paula. Condicionantes da saúde mental e os instrumentos de avaliação de impactos. In SANATA, Paula (org), Território e Saúde Mental em tempos de crise. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, Universidade de Coimbra, 2015.

______. ALMEDRA, Ricardo; NUNES, Carla; SANTANA, Paula. As características individuais e contextuais na saúde mental em tempos de crise. In SANTANA, Paula (Org). Território e saúde mental em tempos de crise. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2015.

PATEL, Vikram; LUND, Crick; HATHERILL, Sean; PLAGERSON, Sophie; CORRIGALL, Joanne; FUNK, Michelle; FLISHER, Alan J. Mental disorders: equity and social determinants. In BLAS, Erik; KURUP, Anand (Eds). Equity, Social Determinants and Public Health Programs. Genebra: World Health Organization, 2010.

PENEDO, Frank; DAHN, Jason. Exercise and well-being: a review of mental and physical health benefits associated with physical activity. Current Opinion in Psychiatry, v.18, p. 189–193, 2005.

PERES, kenia. Estudos sobre a Psicopatia. Dissertação (Mestrado Em Psicologia Clínica). São Paulo, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 2014.

Pessotti I. O século dos manicômios. São Paulo: Editora 34; 1996nku6n

REDE BRASIL ATUAL (RBA). Crise afeta saúde mental e eleva número de pedidos de afastamento do trabalho. 2018. Disponível em: < https://www.redebrasilatual.com.br/trabalho/2018/11/crise-afeta-saude-mental-e-faz-aumentar-pedidos-de-afastamento-do-trabalho/>. Acesso em: 25/06/2019

SANTANA, Paula. Urbanização e saúde. 2009. Disponível em: < https://www.researchgate.net/publication/270565543_Urbanizacao_e_Saude>. Acesso em: 25/06/2019

SARKAR, Chinmoy; WEBSTER, Chris; GALLACHER, John. Healthy Cities: Public Health Through Urban Planning (Edward Elg), 2014.

SILVEIRA, Nise da. O mundo das imagens. São Paulo: Ática; 1992.

STUCKLER, David; BASU, Sanjay. The Body Economic: Why Austerity Kills. New York: Basic Books, 2013.

SZASZ, Thomas Stephen. Ideologia e doença mental: ensaios sobre a desumanização do homem. Rio de Janeiro: Zahar; 1977.

TAYLOR, Lorraine; TASKE, Nichole; SWANN, Catherine; WALLER, Seta. Public health interventions to promote positive mental health and prevent mental health disorders among adults. London, 2007.

TEHNS, K. Etologia. São Paulo: Círculo do Livro; 1977.

UL-HAQ, ZIA; MACKAY, Daniel, FENWICK, E.; PELL, Jill. Association between body mass index and mental health among Scottish adult population: a cross-sectional study of 37,272 participants. Psychological Medicine, v.44, n.10, p. 2231–40, 2014.

VASCONCELOS, Eduardo. Do hospício à comunidade. Belo Horizonte: SEGRAC; 1992.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v13i46.1932

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Lais Landim Sousa, Nara Freire Leão Rocha, Nicole Gonçalves Nascimento Rocha, Gislene Farias de Oliveira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: