Acolhimento Puerperal no Contexto Atribuído às Primíparas / Puerperal Reception in the Context Assigned to the Primiparous

Beatriz Dutra Brasão Lélis, Raissa Carolina Pereira, Lays Figueiredo Inácio da Silva, Adriana Moraes Leite, Mirna Isicawa de Sousa Dusso, Nicole Blanco Bernardes

Resumo


Objetivo: analisar e compreender os sentimentos de puérperas primíparas que participaram do curso de gestante e suas consequências na prática do cuidar relacionados à maternidade no contexto do parto, nascimento e cuidados com o neonato. Metodologia: no estudo foi usado o método exploratório e descritivo de abordagem qualitativa, pautado no conceito de humanização, na modalidade de análise temática, a partir de entrevistas com as puérperas primíparas em seu domicílio. Resultados: Os depoimentos trazem o impacto de ser mãe pela primeira vez diante do nascimento que remete repercussões no puerpério dessas primíparas. A participação no Curso de Gestantes remeteu resultados positivos e de significativa importância na vida dessas primíparas. Considerações finais: ficou nítido a importância do apoio de profissionais compartilhando o conhecimento e possuindo a sensibilidade  de compreender não só os aspectos biológicos, mas também os emocionais, sociais e culturais em que a primípara se encontra, prestando uma assistência qualificada.


Palavras-chave


Gestantes; Puérperas; Maternidade

Texto completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS

ANDRADE, C. de J.; BACELLI, M.S.;, BENINCASA, M. O vínculo mãe-bebê no período de puerpério: uma análise winnicottiana. Revista do NESME, v.14,n.1, p.1-13, maio 2017. Disponível em:

BRASIL, MAE ME QUER. Pós-parto: o que é o puerpério. 2016. Disponível em: . Acesso em: 09 de abr 2018.

CAPUCHO, L.B.; FORECHI, L.; LIMA, R. de C.D.; MASSARONI,L.; PRIMO, C.C. Fatores que interferem na amamentação exclusiva. Rev. Bras. Pes. Saúde, v. 19, n.1, p. 108-113. Disponível em: < http://periodicos.ufes.br/RBPS/article/viewFile/17725/12151 >

XAVIER, A.C.A.; JESUS, M.da G. R.de; PEREIRA, A.S.; SANTOS, K.A.; FERREIRA,D.A.S.; SALES,S.N.V. Cuidados com o recém-nascido. Revista de Inovação, Tecnologia e Ciências (RITEC), v. 1, n. 1, p. 168-172, 2015. Disponível em:

CARVALHO, L.L. Fatores psicossociais e gestação de alto risco: um estudo exploratório no município de Juiz de Fora/ MG, 2018. Disponível em: < https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/6609/1/laislagedecarvalho.pdf >

COELHO, D.D.R.; SOUZA, J.L.A.de. TORRES, M.M.S.M.; DREZETT, J. Gravidez e maternidade tardia: sentimentos e vivências de mulheres em uma unidade de pré-natal de alto risco em barreiras, Bahia. Revista das Ciências da Saúde do Oeste Baiano - Higia, v. 2, n.1, p. 1-19, 2017. Disponível em:< http://fasb.edu.br/revista/index.php/higia/article/view/145/202>

COSTA, P.F.da; BRITO,R.S. de. Orientações ofertadas às puérperas no alojamento conjunto: revisão integrativa da literatura. Rev. de Saúde Pública do Paraná, v.17, n.2, p. 237-245, 2016. Disponível em:< https://www.researchgate.net/publication/312355717_Orientacoes_ofertadas_as_puerperas_no_alojamento_conjunto_revisao_integrativa_da_literatura>

CUNHA, A.M.S. da; GOMES, N.M.C.; SANTOS,G.C.O.; RODRIGUES, S.T.C.; SILVA, J.M. de O. Apicação da teoria humanística de enfermagem na assistência de enfermagem a uma puérpera. GEP NEWS, v.1, n.4, p. 26-32, 2017. Disponível em:< http://www.seer.ufal.br/index.php/gepnews/article/view/4325>

DODOU, H. D.;, OLIVEIRA, T. D. A. de; ORIÁ, M. O. B.; RODRIGUES, D. P.; PINHEIRO, P. N. da C.; LUNA, I. T. A prática educativa realizada pela enfermagem no puerpério: representações sociais de puérperas. Revista Brasileira de Enfermagem, v.70, n.6, p. 1250-1258, 2017. Disponível em:< http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672017000601250&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt>

FINOTTI, M. As implicações da gravidez não planejada de adolescentes no Brasil, Febrasgo, 2015. Disponível em:< https://www.febrasgo.org.br/pt/site?p=11633 > .

GOMES, G.F.; SANTOS, A.P.V.dos; Assistência de enfermagem no puerpério. Rev. Emfermagem Contemporânea, v.6, n.2, p. 211-220, 2017. Disponível em:< https://www5.bahiana.edu.br/index.php/enfermagem/article/view/1407/1081>

JUNIOR, M. M. S; DIAS, D. C. B; MORAIS, M. S. T. Educação popular e saúde pública: experiência a partir da extensão universitária. Rev APS, v.18, n.4, p.519-522, 2016. Disponível em: < https://aps.ufjf.emnuvens.com.br/aps/article/view/1981 >.

LIMA, S. P.; SANTOS, E. K. A. dos; ERDMANN, A. L.; SOUZA, A. I. J. de. Desvelando o significado da experiência vivida para o ser-mulher na amamentação com complicações puerperais. Texto contexto - enferm. , vol.27, n.1, p. 1-8, 2018. Disponível em: .

PARCERO, S.M. de J.; COELHO, E. de A. C.; ALMEIDA, M. S. de; ALMEIDA, M.S.; NASCIMENTO, E.R. do N. Característica do relacionamento entre a mulher e seu parceiro na ocorrência de gravidez não planejada. Rev. Baiana de Enfermagem, v.31, n.2, p. 1-11, 2017. Disponível em:< https://portalseer.ufba.br/index.php/enfermagem/article/view/17332/14621>

SANTOS, S.M. dos R.S.; UBALDINO, A.C.C.; SANTOS, L.M. dos ; JESUS, P.B.R. de; JESUS, M.C.P. de. Avaliação da família de gestande com vulnerabilidade social fundamentada no Modelo Calgary. Rev. Guara, v.5, n.8p.19-31, 2017. Disponível em:< http://www.periodicos.ufes.br/guara/article/view/15694/13061>

SILVEIRA, E.A.A. da; ANDRADE, S.Q. de; Relacionamento Interpessoa Enfermeiro-puérpera: a influencia das práticas discursivas. Rev. Digita FAPAM, v.6,.n.6, p. 333-340, 2015. Disponível em:< http://periodicos.fapam.edu.br/index.php/synthesis/article/download/122/119 >

SOUZA, V. P. S; NUNES, R. S; SILVA, D. M. L; VIANA, E. S. R. Percepção das participantes de um curso para gestantes sobre a abordagem multidisciplinar em saúde. Rev. Pesquisa em Fisioterapia, v.7, n.1, p.79-86, 2017. Disponível em: < https://www5.bahiana.edu.br/index.php/fisioterapia/article/view/1261>. Acesso em: 12 de abr 2018.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v13i45.1702

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: