Toque Terapêutico e Qualidade de Vida em Pacientes Oncológicos

Natália Cristina Lima Silva, Zâmia Aline Barros, Jessika Novaes Soares, Juliana Barros Ferreira

Resumo


O câncer é considerado um problema de saúde pública, que se caracteriza pelo crescimento desenfreado de células que acomete tecido e órgãos. O objetivo desta revisão de literatura foi analisar a produção científica acerca da abordagem dos benefícios na melhora da qualidade de vida proporcionados pelo toque terapêutico em pacientes oncológicos. Métodos: Trata-se de uma revisão com nas bases de dados eletrônicos do Scientific Electronic Library Online (SciELO), Google Acadêmico e PubMed publicados entre os anos de 2003 a 2018. Resultados: Foram encontrados09 estudos obtidos pela busca de bancos de dados que foram organizados em um quadro contendo autor/ano, objetivo, resultados e instrumento utilizado para avaliar a qualidade de vida. Conclusão: Foram demonstrados os benefícios na melhora da qualidade de vida dos pacientes através do toque terapêutico. Além disso, mostrou ser uma técnica de baixo custo, utilizada no tratamento humanizado e integral do paciente com câncer.

 

 


Palavras-chave


Câncer. Neoplasias. Toque terapêutico. Qualidade de vida

Texto completo:

PDF

Referências


INSTITUTO NACIONAL DO CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA (INCA). Coordenação Geral de Ações Estratégicas. Coordenação de Educação Abc do Câncer: Abordagens Básicas Para o Controle do Câncer. 2ª Ed. Rev. E Atual. Rio de Janeiro: Inca; 2012.

BATISTA, D. R. R.;MATTOS, M.; SILVA.S. F. Convivendo Com O Câncer: Do Diagnóstico Ao Tratamento Living WithCancer: From The Diagnosis To The TreatmentConviviendoCon El Cáncer: Del Diagnóstico Al Tratamiento. Rev. Enferm. Ufsm. 5(3):499-510, 2015 Jul./Set. Doi: 10.5902/2179769215709.

BRUNNER, L. S.; SMELTZER, S. C. C.; SEMFOLHAGEM, B. G.; HINKLE, J.; CHEEVER, K. H. Brunner&Textbookof Medical-surgicalNursing. WoltersKluwer Health/Lippincott Williams & Wilkins, Philadelphia. WoltersKluwer Health; 3ª Ed. 2014.

GUERRA, M. R.; GALLO, C. V. M.; AZEVEDO, G.; MENDONÇA S.Risco de Câncer no Brasil: Tendências E Estudos Epidemiológicos Mais Recentes. Revista Brasileira de Cancerologia, v.51, n.3, p. 227-234, 2005.

PREÇO, P.K. Sikora Tratamento do Cancro. Sexta Edição Ed: Crc Press, 2014.

NATIONAL INSTITUTES OF HEALTH. Maryland. Disponível em: https://nccih.nih.gov/.

LINDQUIST, R.; SNYDER, H.; TRACY, M. F. Terapias Complementares Tivas&Alternati- Em Enfermagem. 7 Ed: Springer Publishing Company, 2014.

KELLY, A. E.; SULLIVAN, P.; FAWCETT, J.; SAMAREL, N. Therapeu- Toque Tic, Tempo de Silêncio e Diálogo: Percepções de Mulheres com Câncer de Mama. OncolNursFórum. OncNurs Society, 2004.

COAKLEY, A. B.; BARRON, A. M. Terapias Energéticas em Enfermagem GiaOncol-SeminOncolNurs. Elsevier, 2012.

PEHLIVAN, S.; SÜNER, A.; YILDIRIM Y.; FADILOĞLU, Ç. Send To. Investigation Into Complementary And Integrative Health Approaches For Turkish Patients With Gastrointestinal Cancer.J ReligHealth. 2018 Jan 3. Doi: 10.1007/S10943-017-0546-2.

SADEGHI, R.; HEIDARNIA, H; ZAGHARI, T. M.; RASSOULI, H.; SOORI, H. Ap- Manejante Acupuntura para o Alívio da Dor: Estudo Qualitativo. Complemento Jornal Medicina Mentaryda Faculdade de Enfermagem e Obstetrícia.2 (3): 61-73.2012.

CAIRES, J. S.; ANDRADE, T. A.; AMARAL, J. B.; CALASANS, M. T. A.; ROCHA, M. D. S. A Utilização das Terapias Complementares nos Cuidados Paliativos: Benefícios e Finalidades. Cogitare Enfermagem. v. 19, N. 3, p. 514-520, 2014.

BRASIL. Ministério da Saúde. Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no Sus - Pnpic-Sus: Atitude de Ampliação de Acesso. Brasília: Ministério da Saúde, 2006. (Série B. Textos Básicos de Saúde).

POMPEO, D. A.; ROSSI, L. A.; GALVÃO, C. A. Revisão integrativa: etapa inicial do processo de validação de diagnóstico de enfermagem. Acta paulista de enfermagem, v. 22, n. 4, p. 434-438, 2009.

TABATABAEE, A.; TAFRESHI, M. Z.; RASSOULI, M.; ALEDAVOOD, S. A.; ALAVIMAJD, H.; FARAHMAND, S. K. EffectofTherapeuticTouch In PatientsWithCancer: A LiteratureReview. Med Arch. 2016 Abril; 70 (2): 142-147.

BEARD, C.; STASON, W. B.; WANG, Q.; MANOLA, J.; DEAN-CLOWER, E.; DUSEK, J. A.;et al. EffectsofComplementaryTherapiesonClinicalOutcomesin PatientsBeingTreatedWithRadiationTherapy For ProstateCancer. Library Online Wiley, 2010, august27.

WEZE, C.; LEATHARD, H.L.; GRANGE, J.; TIPLADY, P.; STEVENS, G. EvaluationofHealingByGentleTouch In 35 ClientsWithCancer. Eur J OncolNurs. 2004; 8(1): 40-9.

ROSCOE, J. A.; MATTESON, S. E.; MUSTIAN, K. M.; PADMANABAN, D.; MORROW, G. R. TreatmentofRadiotherapy-Induced Fatigue ThroughaNonpharmacologicalApproach.FloridaInternational, Jul 18, 2015.

LUTGENDORF, S. K, MULLEN-HOUSER E, RUSSELL D, DEGEEST K, JACOBSON G, HART L, et al.PreservationOfImmuneFunction In Cervical CancerPatientsDuringChemoradiationUsinga Novel Integrative Approach. BrainBehavImmun. 2010; 24(8): 1231- 40. 24.

POHL, G.; SEEMANN, H.; OCHSNER, C.; LUHAN, C.; SCHEMPER, M.; LUDWING, H. “LayingOnOfHands” Improves Well-Being In PatientsWithAdvancedCancer. Springer-Verlag. 2006.

TSANG, K. L.; CARLSON, L. E. E.; OSLON, K. Piloto Crossover Trialof Reiki Versus Resto no Tratamento do Cancro-Relacionada Fadiga. IntegrativeCancerTherapies. 6(1); 2007, p. 25-35.

OSLON, K.; HANSON, J.; MICHAUD M. A PhaseIItrialof Reiki for the management ofpainin AdvancedCancerPatients. JournalofPaine Gestão Sintonia, v. 26, p. 990-997,Nov/2003.

YOUNUS, J.; BLOQUEIO, M.; VUJOVIC, O.; YU, E.A case-control, mono-center, open-label,pilotstudytoevaluatethefeasibilityoftherapeutictouch in preventingradiationdermatitis in womenwithbreast câncer receivingadjuvantradiationtherapy. ComplementaryTherapies in Medicine.p. 612-616, 2015.




DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v12i40.1156

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: