Agravos da violência sexual entre adolescentes na cidade de Juazeiro do Norte-CE

Maria Valéria Leimig Telles, Zuleide Fernandes de Queiroz, Maria Salete Bessa Jorge, Zenilda Vieira Bruno

Resumo


O abuso sexual tem efeitos danosos na vida e na saúde física e psicológica das crianças e adolescentes e ocorre em todas as classes sociais, religiões e culturas. É um crime cuja incidência e prevalência é desconhecida. Um número pequeno de casos é registrado e denunciado, passando a representar um grave problema de Saúde Pública. Os danos e repercussões que determinam, têm um efeito profundo e potencialmente podem durar a vida inteira da vítima. Observou-se que no momento da abordagem das vítimas o comportamento dos abusadores foi variável, utilizando-se de mentiras, ameaças de morte, agressões físicas e psicológicas. No enfrentamento do abuso sexual, constatamos que a maioria das vítimas não comunicou à família por medo do agressor ou por vergonha da exposição pública. Todas comunicaram os fatos ao profissional de saúde anos após o acontecido e apenas uma os denunciou à Delegacia da Mulher. Nenhum dos agressores foi punido, demonstrando a falta de denúncia por parte das vítimas e a falha das políticas públicas no combate à violência sexual. A despeito do sofrimento vivenciado e sobretudo demonstrado pelas adolescentes vitimadas, constatamos que conseguiram desenvolver a capacidade de superar o trauma, acreditando em alternativas para restaurar suas vidas.


Palavras-chave


Abuso sexual; Violência; Adolescentes.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v3i9.108

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Id on Line (ISSN: 1981-1179) é indexada nas seguintes bases de dados: